IGUATEMI

Luis Enrique é direto sobre condição de Mbappé e tira pressão do PSG na Liga dos Campeões

O técnico do Paris Saint-Germain, o espanhol Luis Enrique, foi sucinto ao falar sobre o Kylian Mbappé antes do confronto da Liga dos Campeões com a Real Sociedad.

Por Redação em 13/02/2024 às 15:06:24

confronto da Liga dos Campeões com a Real Sociedad. Com dores no tornozelo esquerdo, o atacante ficou no banco contra o Lille, no sábado, pelo Campeonato Francês.

Questionado se Mbappé estava pronto para enfrentar o time espanhol no jogo de ida das oitavas de final nesta quarta, em Paris, Luis Enrique respondeu com um conciso 'sim'. "Ele poderia ter jogado há quatro dias se fosse uma final, mas não valia a pena correr o risco."

O contrato de Mbappé com o clube de Paris termina no final de junho. O astro francês, que chegou ao PSG em 2017, ainda não anunciou se permanecerá, mas há fortes rumores de uma transferência para o Real Madrid.

Neste cenário, Luis Enrique foi questionado se o confronto com a Real Sociedad no Parc des Princes pode, potencialmente, ser o último jogo de Mbappé em casa pelo clube na Liga dos Campeões, se PSG não passar pelo time espanhol. "Potencial (último jogo)? Não", respondeu, categoricamente. "Não é assim que me sinto a respeito."

Líder do Campeonato Francês, o Paris Saint-Germain tem 11 pontos de vantagem sobre o segundo colocado, o Nice,

enquanto a Real Sociedad está apenas em sétimo lugar na Espanha. Como a competitividade na França não é tão grande, a Liga dos Campeões é vista como um verdadeiro indicador do nível técnico do PSG. Luis Enrique não quis falar sobre um eventual favoritismo contra a Real Sociedad. "Pouco importa o que eu falo, o favorito precisa mostrar isso em campo."

O técnico pode estar tentando aliviar a pressão dos seus jogadores. O PSG nunca venceu a principal competição

entre clubes da Europa e fez grandes investimentos, contratando jogadores como Zlatan Ibrahimovic, Edinson Cavani, Mbappé, Neymar e Lionel Messi, mas foi eliminado das oitavas de final da Liga dos Campeões cinco vezes nas últimas sete temporadas.

"Não se trata de proteger os jogadores, trata-se de permanecer o mais natural possível", disse Luis Enrique. "A melhor forma de abordar estes jogos é estar relaxado", continuou o treinador. "Não nos sentimos obrigados a vencer (a Liga dos Campeões), mas queremos vencer. Não sentimos nenhuma pressão ou obrigação específica", disse Fabian Ruiz, meia espanhol do PSG.

O time francês perdeu duas vezes na fase de grupos e conseguiu a classificação somente na última rodada, enquanto a Real Sociedad terminou invicta e no topo do Grupo D, à frente da Inter de Milão atual vice-campeã da Liga dos Campeões e líder com sobras no Campeonato Italiano, com sete pontos de vantagem sobre a Juventus e um jogo a menos.

"Eles têm jogado um bom futebol nos últimos seis anos. Eles estão colhendo os frutos deste trabalho", disse Luis Enrique sobre os rivais, que têm a equipe menos vazada na fase de grupos, com apenas dois gols sofridos em seis jogos.

Leia Também: Antetokounmpo faz 36 pontos e agarra 18 rebotes na vitória dos Bucks sobre os Nuggets na NBA

Tags:   Esporte
Comunicar erro
IGUATEMI

Comentários

PONTUAL CARGO